O Atlético saiu em vantagem sobre o Juventude na luta por uma vaga nas semifinais da Copa do Brasil.

Na noite desta quarta-feira, o Galo venceu o time de Caxias do Sul por 1 a 0, no Mineirão, no jogo de ida das quartas de final.

O gol da vitória foi marcado por Lucas Pratto, aos 16 minutos do primeiro tempo. A partida de volta acontecerá em 19 de outubro, no Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul.

37061fbc-45fb-475f-891e-83c7d27e9d95O Alvinegro volta a campo às 16h30 deste sábado para enfrentar a Ponte Preta, no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, pelo Campeonato Brasileiro.

O técnico da Seleção Brasileira, Tite, esteve no Mineirão acompanhando o triunfo atleticano.

402c1a08-cfcd-4f67-b647-6420d9ef3874
O JOGO

Os dois primeiros ataques do Galo foram com Clayton, o primeiro em cruzamento pela direita, cortado pela zaga, e o segundo em cabeceio para fora, após cobrança de escanteio pela direita.

Aos sete minutos, depois de boa troca de passes envolvendo Robinho, Cazares e Lucas Pratto, Fábio Santos foi acionado pela esquerda e cruzou com perigo para o corte da defesa gaúcha. Em seguida, Erazo sofreu corte na cabeça em choque com atleta do Juventude e foi substituído por Gabriel.

O Atlético abriu o placar aos 16 minutos, quando Luas Pratto abriu a jogada pela direita com Carlos César e foi para a grande área completar de primeira o cruzamento rasteiro do lateral: Galo 1 x 0.

925bbb78-b1af-48e2-9098-59be81be03ce
Em outra boa trama ofensiva, Cazares recebeu a bola pela direita e cruzou para o corte da defesa. A equipe visitante ameaçou no chute de Roberson, no travessão.

Cazares tabelou com Clayton pelo meio, aos 34 minutos, e arriscou de fora da área, à direita do gol. Em seguida, Lucas Pratto tentou jogada de corta-luz com Clayton, mas o zagueiro conseguiu fazer a interceptação.

Lucas Pratto recebeu bom passe de Robinho na grande área, aos 44 minutos, cortou o zagueiro e foi travado na hora da finalização. Já nos acréscimos, Pará acertou bom chute de fora da área e Vitor fez grande defesa no ângulo.

SEGUNDO TEMPO

4ff72e20-6acd-4875-b3d7-c13a30f97aa7O técnico Marcelo Oliveira manteve o time para a etapa final e foi o Juventude que levou perigo pela primeira vez na conclusão de Wallacer, à esquerda do gol.

Aos oito minutos, Fábio Santos cobrou escanteio pela esquerda e a defesa fez o corte na pequena área. Cazares tabelou com Robinho pela direita, aos 12 minutos, e fez o arremate sobre o gol. Aos 16, Carlos César cruzou rasteiro pela direita, a bola atravessou a pequena área e o zagueiro tirou para escanteio antes da chegada de Fábio Santos, que fechava na segunda trave.

e6140f2d-794c-4c4d-9a86-096ad196040bCazares foi substituído por Dátolo aos 18 minutos. Logo depois, Robinho fez ótimo lançamento para Lucas Pratto na grande área e a finalização do argentino foi defendida pelo goleiro Elias.

Aos 22, Carlos César foi expulso ao receber o segundo cartão amarelo. Logo depois, Clayton deixou o campo para a entrada de Patric.

O Juventude ameaçou no cruzamento de Vidal pela direita e a bola atravessou a pequena área. O Galo respondeu no cruzamento de Patric para Lucas Pratto, interceptado pelo goleiro.

Na última hance alvinegra, aos 45, Pratto tabelou com Dátolo pela esquerda, adiantou muito a bola ao cortar seu marcador e não conseguiu o cruzamento.

95dbf577-4dc9-449a-9302-f14e4899be2d
FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO 1 x 0 JUVENTUDE
Motivo: Copa do Brasil – Quartas de final – Ida
Data: 28/09/2016
Hora: 19:30
Estádio: Mineirão
Cidade: Belo Horizonte (MG)
Gol: Lucas Pratto (16′ – 1T)
Público: 36.846
Renda: 963.615,00
Árbitro: Vinícius Furlan (Asp. Fifa/SP)
Auxiliares: Emerson Augusto de Carvalho (Fifa/SP) e Marcelo Carvalho Van Gasse (Fifa/SP)
Cartões amarelos: Carlos César, Rafael Carioca (Atlético)
Cartão vermelho: Carlos César (Atlético) (2º cartão amarelo)

Atlético
Victor; Carlos César, Leonardo Silva, Erazo (Gabriel) e Fábio Santos; Rafael Carioca, Júnior Urso, Clayton (Patric) e Cazares (Dátolo); Robinho e Lucas Pratto. Técnico: Marcelo Oliveira.

Juventude
Elias; Neguete (Caprini), Micael, Ruan e Wanderson; Pará, Romarinho, Bruninho e Caion; Roberson (Vidal) e Wallacer. Técnico: Antônio Carlos.

FONTESite do Galo
COMPARTILHAR
Marcus Vinícius Gomes
Réporter Esportivo desde 2010, 30 anos, apaixonado por futebol, viajou Minas Gerais nas melhores coberturas esportivas para Rádios, TV e claro, se divertindo fazendo aquilo que gostava, que é estar à beira do gramado.

Comentários no Facebook