Atrás de técnico, diretores do Cruzeiro vão ao Rio de Janeiro; Eurico nega saída de Jorginho

O Cruzeiro segue em busca de um novo treinador para a equipe. Nesta quarta-feira, o vice-presidente de futebol, Bruno Vicintin, e o diretor de futebol, Thiago Scuro, viajaram até o Rio de Janeiro para conversar com o técnico Jorginho, do Vasco, principal alvo da diretoria celeste. Eles aproveitaram a estada na capital fluminense para contatar também Ricardo Gomes, comandante do Botafogo. A informação é do portal ESPN e foi confirmada pelo repórter da Itatiaia, Samuel Venâncio.

Tanto Jorginho quanto o auxiliar Zinho não têm contrato com o Vasco. Eles são funcionários do clube com carteira assinada no regime CLT. O assistente do treinador garantiu que o foco neste momento é no Cruz-Maltino e nas finais do Campeonato Carioca, mas não descartou ouvir uma proposta do Cruzeiro.

“Você não é eterno no local, você não fica para sempre em um clube. Nós estamos muito felizes no Vasco, estamos fazendo um trabalho com o apoio da direção e do torcedor. O nosso objetivo é no domingo, que é o primeiro jogo da final do Campeonato Carioca contra o Botafogo”, disse Zinho em entrevista à Rádio Bandeirantes de Porto Alegre.

“Mas nós somos profissionais. E o profissional está aberto a uma condição de trabalho boa, a uma proposta. A gente nunca pode falar não para nada, mas, no momento, o nosso foco é o Vasco”, completou.

Questionado pela reportagem do portal globoesporte.com sobre o interesse do Cruzeiro em Jorginho, o presidente do Vasco, Eurico Miranda, disse que não foi consultado. O mandatário ainda avisou que não vai liberar o treinador e mandou recado: “Que assédio do Cruzeiro! E eu tomo conhecimento disso? Eu não tomo conhecimento. Não falaram comigo, não me procuraram. Por que se tiver a audácia de falar comigo toma logo nas trompas”, frisou.

COMPARTILHAR
Marcus Vinícius Gomes
Réporter Esportivo desde 2010, 30 anos, apaixonado por futebol, viajou Minas Gerais nas melhores coberturas esportivas para Rádios, TV e claro, se divertindo fazendo aquilo que gostava, que é estar à beira do gramado.

Comentários no Facebook