Com serviço de coleta de lixo paralisado, Pavotec quer receber 4x o valor da dívida, diz a Prefeitura

Desde a última segunda-feira(4) a empresa Pavotec – Pavimentação e Terraplanagem paralisou o serviço de coleta de lixo da cidade de Governador Valadares (MG). Segundo informações da empresa, a prefeitura está em debito com a empresa na qual vem prejudicando os funcionários, onde os mesmos estão sem receber seus salários ha 4 meses.

Prefeitura

Em nota a Prefeitura de Governador Valadares confirma que está em debito com a empresa, e diz que foi feito um acordo no qual foi repassado o valor de R$300.000,00 que deveriam ter sido repassados para os carreteiros da coleta seletiva. Mas a empresa, além do não cumprimento do acordo, paralisou a coleta em toda a cidade.

Ainda na nota a prefeitura faz uma acusação grave contra a empresa Pavotec, ela diz que o valor da dívida é em cerca de R$5 milhões, referente há dois meses de serviços prestados, porém a empresa Pavotec quer receber o valor total de quase 4x a mais do valor da dívida, cerca de R$20 milhões. A prefeitura informa que está a disposição para discutir os valores na justiça.

Pavotec

Com informações prestadas ao jornal Diário do Rio Doce, a empresa Pavotec por meio de sua advogada Márcia Fróis, garantiu que a dívida é de R$ 20 milhões e que há, inclusive, documentos comprobatórios. “O caso requer uma apresentação com base em documentos; a realidade é que a dívida é de R$ 20 milhões. Tenho convicção disso. As equipes estão paradas, sim. A decisão não foi nossa, foi dos próprios funcionários. Estamos com atraso nos pagamentos e em outros compromissos em 120 dias, e a lei nos autoriza a parar com 90 dias [sem pagamento].”

COMPARTILHAR
Redação
Como maior ouvidoria popular de Governador Valadares, o Programa Valadares na TV se destaca por levar informação e conteúdo exclusivo de problemas e assuntos de nossa cidade.

Comentários no Facebook