Deputados querem discutir retomada das atividades da Samarco

A Comissão de Desenvolvimento Econômico da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) aprovou, nesta quinta-feira (19/5/16), requerimento para realização de uma audiência pública. Os deputados Gil Pereira (PP) e Gustavo Valadares (PSDB) pediram uma reunião conjunta com as Comissões de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável e de Minas e Energia para discutir a retomada das atividades da Mineradora Samarco no município de Mariana (Região Central do Estado).

Na última segunda-feira (16), o presidente da ALMG, deputado Adalclever Lopes (PMDB), recebeu o relatório da Comissão Externa do Rompimento de Barragem na Região de Mariana, da Câmara dos Deputados. Conforme noticiado pela imprensa, o relatório, ainda não aprovado pela Câmara, responsabiliza a Samarco pela tragédia e descarta que esta tenha ocorrido por causas naturais. O documento também recomenda a apuração das responsabilidades dos órgãos envolvidos no licenciamento e na fiscalização da atividade.

A Barragem de Fundão se rompeu no dia 5 de novembro de 2015 e causou grande destruição em Mariana, deixando 19 mortos e um rastro de lama ao longo da Bacia do Rio Doce. Fauna e flora foram comprometidos ao longo do rio até o ponto em que ele deságua no Oceano Atlântico, assim como o abastecimento de água, no episódio que pode ser a maior tragédia ambiental da história do Brasil.

COMPARTILHAR
Redação
Como maior ouvidoria popular de Governador Valadares, o Programa Valadares na TV se destaca por levar informação e conteúdo exclusivo de problemas e assuntos de nossa cidade.

Comentários no Facebook