Gincana Solidária da UFJF-GV mobiliza calouros e arrecada doações para instituições da cidade

Arrecadação do último semestre bateu recordes. (Foto: Divulgação/Internet)

A Gincana Solidária da Universidade Federal de Juiz de Fora em Governador Valadares (UFJF-GV) movimenta, semestralmente, calouros e veteranos da Universidade. Em sua quinta edição, a meta é continuar ultrapassando as arrecadações passadas e superar o montante de 1,3 tonelada de alimentos do último semestre. As doações acontecem até o próximo dia 20, quando acontece o encerramento da competição e a premiação das equipes vencedoras.

Durante a recepção aos calouros, no dia 3 de outubro, mais de 250 estudantes foram divididos em cinco grupos. Segundo a produtora cultural da UFJF-GV e incentivadora da competição, Lúcia Gomides, as equipes são responsáveis pela arrecadação em supermercados e junto à população. “Os estudantes se empenham em obter doações com suas famílias, amigos e em estabelecimentos da região. Em suas edições, a Gincana Solidária reforça seus objetivos de incentivar a solidariedade na cidade e promover a integração entre os colegas da UFJF-GV”, comentou. A competição representa uma alternativa solidária ao trote, prática proibida na Instituição. “O caráter solidário da gincana faz com que ela deva ser sempre incentivada por todos”, completou. 

Além de alimentos, podem ser doados materiais de limpeza para ajudar na contagem de pontos de cada equipe. A Gincana Solidária promove também o cadastro de doadores de medula junto ao Hemominas de Governador Valadares. “Doar sangue também conta pontos para cada equipe. Representantes dos grupos e seus amigos doam sangue no Hemominas e levam um recibo, que vale pontos na hora da contagem final”, explicou Lúcia.

A equipe vencedora da última edição, formada por alunos de Ciências Contábeis, arrecadou mais de 2 mil itens de materiais de limpeza; vitória que, segundo um dos líderes da turma, Marcos Vinícios Silva, “é resultado do comprometimento de todos os membros, a prova de que a união faz a força”. Nesta edição, as doações serão destinadas à Creche Madre Tereza de Calcutá, Casa de Recuperação Dona Zulmira, Acolhe Vida e Instituto Nosso Lar.

Comentários no Facebook