Morre servidora do Hospital Municipal citada em denuncia enviada ao MP

Morreu nesta segunda-feira(13) de causa ainda não revelada a servidora pública Elizet Pereira Santos, que estava internada no CTI em estado grave. Ela foi citada em uma denuncia feita ao Ministério Público de Minas Gerais por uma outra funcionária que relatou que seu estado poderia estar relacionado às péssimas condições do hospital.

A Prefeitura informou por meio de nota na semana passada que o quadro enfrentado pela funcionária era uma grave pneumonia, e que não havia nenhuma relação da doença de Elizet com de outra funcionária que também faleceu no hospital há dois meses atrás.

O boato da superbactéria negado veementemente pela Prefeitura que informa que não há qualquer evidência de surto no hospital e que o Hospital Municipal dispõe de um Serviço de Controle de Infecção Hospitalar (SCIH), que monitora, permanentemente, os registros de infecções tanto hospitalares quanto comunitárias (adquiridas fora do ambiente hospitalar), assusta todos que frequentam o hospital em busca de atendimento. Desde a semana passada os funcionários do hospital estão usando máscaras brancas e a direção do hospital ainda não informou sobre este procedimento de segurança.

foto hospital
Foto: Reprodução Internet

O corpo de Elizet está sendo velado na Rua Januária, 399 no bairro Santa Helena.

 

COMPARTILHAR
Redação
Como maior ouvidoria popular de Governador Valadares, o Programa Valadares na TV se destaca por levar informação e conteúdo exclusivo de problemas e assuntos de nossa cidade.

Comentários no Facebook