A Polícia Civil de Minas Gerais, por meio da Delegacia Especializada em Furtos e Roubos (DEFR) em Governador Valadares, deflagrou ontem (12) operação policial que impediu crime de roubo na região.

Após monitoramento ostensivo realizado pela Polícia Civil, foram descobertos indícios de que os investigados, componentes de uma mesma organização criminosa, planejavam a execução de um roubo a mão armada para a data de hoje.

De posse dessas informações, foram montadas equipes de monitoramento, que passaram a acompanhar os suspeitos e verificar toda a ação criminosa, desde a recepção dos executores, até a reunião entre mentores e estes, antes do cometimento do crime na residência da investigada G. C. S. B., de 20 anos.

  1. C. S. B. é apontada como articuladora da ação criminosa e teria ficado responsável por receber a arma de fogo e repassá-la aos autores, J. A. S., de 56 anos, D. S. (19) e R. D. L. E. (19), os quais se deslocaram para praticar o roubo.

O alvo do roubo seria uma cidade pequena nas imediações de Governador Valadares e os investigados foram abordados na cidade de Alpercata quando se deslocavam para cometer o crime. Todavia, a ação foi frustrada pela abordagem policial.

Os quatro investigados, suspeitos de integrar organização criminosa para prática de diversos crimes – o que ainda está sendo apurado – foram presos e conduzidos à delegacia de Governador Valadares e, com os mesmos, foram encontrados várias munições calibre 32, uma arma de fogo, que seria utilizada no roubo, vários aparelhos celulares, entre outros objetos.

Comentários no Facebook