Polícia prende suspeito de estuprar e roubar idosa dentro de casa em BH

Criminoso invadiu a casa, abusou sexualmente da moradora e fugiu levando joias. Ele foi preso a 100 metros do local do crime, observando o trabalho da polícia

Enquanto levantavam as informações, os policiais acabaram localizando o suspeito próximo à casa da vítima (Foto: Euler Júnior/EM)

Militares do 16º Batalhão da PM prenderam um homem de 38 anos suspeito de ter estuprado uma idosa de 72 anos e roubado as joias da vítima na madrugada desta quinta-feira no Bairro da Graça, Região Nordeste de Belo Horizonte. Segundo a PM, ele foi encontrado a 100 metros do local onde cometeu o crime, confessou o estupro e roubou e mostrou onde as peças estavam escondidas.

Joias roubadas foram recuperadas (Foto: Euler Júnior/EM)
Joias roubadas foram recuperadas (Foto: Euler Júnior/EM)

A vítima disse à polícia que o crime aconteceu por volta das 4h30. O homem arrancou o vidro de uma janela e passou pelo espaço. Ao invadir o imóvel, ele foi diretamente para o quarto da idosa, usando uma touca para cobrir o rosto. Após amordaçar e amarrar as mãos da vítima, ele cometeu o estupro. Sob a ameaça de uma machadinha, a idosa foi obrigada a mostrar onde estavam as joias. O criminoso ainda obrigou a mulher a tomar banho, na tentativa de se livrar de qualquer material genético que pudesse incriminá-lo.

Depois que o homem fugiu, a idosa ligou para uma cunhada e contou o que aconteceu. A polícia foi acionada. De acordo com a Polícia Militar (PM), como não viu o rosto do agressor, a vítima passou as características físicas dele, que batiam com a de um homem conhecido na região, morador de uma área invadida.

Enquanto levantavam as informações, os policiais acabaram localizando o suspeito no fim da manhã. Ele estava a 100 metros da casa, observando a investigação. Conforme a PM, detido, ele confessou o crime e disse ter invadido uma casa na Rua Juruá para esconder as joias. Ele foi levado para a Divisão Especializada de Atendimento à Mulher, ao Idoso e à Pessoa com Deficiência (Demid). A vítima foi atendida no Hospital Odilon Behrens, onde passou por exames e recebeu medicação.

COMPARTILHAR
Redação
Como maior ouvidoria popular de Governador Valadares, o Programa Valadares na TV se destaca por levar informação e conteúdo exclusivo de problemas e assuntos de nossa cidade.

Comentários no Facebook