Créditos: Antonio Melcop

Um jogo disputado, tenso e movimentado, digno de uma grande final. Em Recife, com o estádio do Arruda cheio, Santa Cruz e Campinense começaram, em grande estilo, a decidir, nesta quarta-feira (27), quem ficará com o tão almejado título da Copa do Nordeste 2016. Decidido no detalhe, com gol marcado nos acréscimos, o Tricolor pernambucano venceu por 2 a 1 e largou na frente na disputa.

Empurrado pela sua torcida, o Santa Cruz buscou pressionar o Campinense desde o apito inicial, mas, apesar do nervosismo dos primeiros minutos, os visitantes equilibraram as ações e passaram a valorizar a posse de bola. Apesar do maior tempo com a bola, o Campinense não conseguia reverter o domínio territorial em chances claras de gol. Mais efetivo, o Santa aproveitou a cobrança de escanteio de Glédson, aos 29 minutos,para abrir o placar com Grafitte, de cabeça, 1 a 0. Com a festa nas arquibancadas, o tricolor pernambucano levou a vantagem para o vestiário.

Na volta do intervalo, o panorama da primeira etapa se manteve com as duas equipes estudando o adversário. Sem espaços para infiltrar na zaga pernambucana, o Campinense chegou ao empate, aos 26 minutos, na mesma moeda. Após escanteio, Tiago Sala fechou na primeira trave e deixou tudo igual, 1 a 1. Sem tempo para se lamentar, o Santa Cruz respondeu no lance seguinte, mas a bomba de Lelê parou nas mãos de Gledson. O equilíbrio virou a tônica da partida e o empate já se desenhava quando, nos acréscimos, Bruno Moraes aproveitou cruzamento rasteiro de Léo Moura e decretou a vitória por 2 a 1 do Santa Cruz, para a explosão de felicidades do torcedor tricolor.

Com a vantagem do empate, o Santa Cruz decide o título da Copa do Nordeste contra o Campinense, no próximo domingo (1), às 16h, no estádio Amigão, em Campina Grande (PB).

FONTEAssessoria CBF
COMPARTILHAR
Marcus Vinícius Gomes
Réporter Esportivo desde 2010, 30 anos, apaixonado por futebol, viajou Minas Gerais nas melhores coberturas esportivas para Rádios, TV e claro, se divertindo fazendo aquilo que gostava, que é estar à beira do gramado.

Comentários no Facebook