Confessou o crime

Marido confessa ter matado esposa por ciúmes; vítima foi morta dentro de igreja em Resplendor

O homem foi em casa, pegou uma faca e voltou para a igreja; no momento do crime, vítima estava limpando a garagem que fica em um prédio anexo ao templo; ela foi atingida com várias facadas no peito.

30/08/2020 14h19
Por: Redação
Stéphano Mattos/Arquivo Pessoal
Stéphano Mattos/Arquivo Pessoal

O marido da vítima Zélia Gomes da Cruz Moreira de 37 anos, confessou para as autoridades que matou a esposa neste sábado (29), apenas por ciúmes. 

De acordo com a Polícia Militar, o autor disse que era casado com a vítima há 24 anos e que a esposa era zeladora da Igreja Batista Canaã. 

O autor ainda disse que antes do crime passou na porta da igreja e viu encontrou a esposa conversando com um homem, porém não disse nada; depois ele voltou e perguntou se a esposa tinha gostado da conversa e ela teria dito que sim. 

Ainda de acordo com a PM, o homem foi em casa, pegou uma faca e voltou para a igreja; no momento do crime, vítima estava limpando a garagem que fica em um prédio anexo ao templo; ela foi atingida com várias facadas no peito. 

O autor após o crime, trancou o local, voltou para casa, tomou banho, trocou de roupa e se entregou para a polícia; ainda contou que já agrediu a esposa fisicamente. 

Policiais afirmaram que em momento algum ele demonstrou arrependimento e disse que matou apenas por ciúmes. A faca utilizada foi encontrada no banheiro da residência do casal, juntamente com uma bermuda manchada de sangue. 

O corpo da vítima foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Governador Valadares (MG). 

Em nota, a Polícia Civil pede a prisão preventiva do autor do feminicídio que ocorreu neste sábado, em Resplendor. 

A Polícia Civil do Estado de Minas Gerais, através da 7ª Delegacia de Polícia Civil de Resplendor, à vista da eventual possibilidade do autor de homicídio (feminicídio) na tarde de ontem, nesta cidade, e na pessoa do Delegado Dr° Giovane Dantas, requereu a prisão preventiva do autor do bárbaro crime, após contato com Dr° Leonardo Pinafo, Delegado de plantão em Governador Valafares. 

O Promotor e o Juiz de plantão, da cidade de Mantena acolheu o pedido e decretou a prisão, sendo que a equipe da Polícia Civil, na pessoa do Investigador José Carlos já está a caminho de Tarumirim para entregar o autor no presídio, onde ficará a disposição da Justiça. 

“O clamor e a ordem pública se fizeram valer e este crime será julgado pela sociedade”;finalizou. 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Governador Valadares - MG
Atualizado às 17h15
35°
Poucas nuvens Máxima: 34° - Mínima: 17°
33°

Sensação

2 km/h

Vento

24%

Umidade

Fonte: Climatempo
quadrado home
Municípios
Últimas notícias
quadrado 3
Mais lidas
Anúncio
Anúncio